Contador de Visitas

segunda-feira, 7 de julho de 2008

Construção coletiva de rap

A nossa escola não tem acesso a internet, porisso levo pra turma impresso o que é veiculado no blog. E todas as informações recados que são postados no mesmo. Até junho o blog está gravado e, já tiveram acesso. Hoje pela manhã apresentei-lhes o rap feito pelo professor Richard, da Feevale, poeta e músico da banda Bataclã. Ficaram encantados e retribuiram com o rap que segue:
Rap de agradecimento
4º ano A
Aí mano Richard,
na rima tu me ganha.
Vamos fazer um rap pra ti,
sem pressa, bem na manha.
Tenha fé no negro drama
e no 4ºano A,
que caminha na Iguaçu,
olhando o céu azul.
Retribuimos seu carinho,
e respondemos com esta rima,
que demonstra o nosso clima.
Paz, amor e alegria,
Iguaçu, mais uma periferia.

3 comentários:

andrea disse...

Arteiros e artistas da Arnaldo também quero mandar uma rima pra voces!!!
Galera esperta ! Galera legal!
Essa moçada da Iguaçu é sensacional!!
Eu até tô achando que a gente combina
Vamos juntar a Arnaldo e a Adolfina

Maria Ester disse...

Olá professora Andrea! A turma ficou muito feliz com seu rap e estão mandando um outro. Estes rap's vão terminar em encontro. Aí vai:

Aí gurizada da Adolfina
Vamos fazer um rap cheio de rima.
É a turma do 4º ano A, que chegou pra agitar.
Vamos nos apresentar:
Somos uma turma legal,
Estamos juntos na moral,
Ganhamos um prêmio do jornal,
pra nós muito especial.
Aparecemos no NH
e, também no popular.
Já temos um cd,
e vamos gravar um dvd.
Abraços a professora Andrea
e, colegas da Adolfina.
Aguardamos vocês na Arnaldo,
pra fazermos muita rima.

Richard Serraria Canção & Poesia disse...

O rap é compromisso, já dizia mano Sabotage, agora vejo que a galera de Nóia embarcou nessa viagem, salve os rappers, salve os partideiros, mandando ver na rima, elevando a auto estima, tem homem e mulher, mano Serraria e a Profe. Maria Ester, ela é do Nascimento, sabe o jeito do momento semeando aprendizagens até mesmo em seus momentos de recolhimento, na quebrada, Eucaliptos é sua morada, dona de uma inconfundível risada!

Paz ao manos e parabéns à Maria Ester! Estamos juntos, periferia é perfieria em qualquer lugar, em Novo Hamburgo ou na Serraria, o futuro há de mostrar!

Valeu! Abraço nos "mano" e beijo nas "mina"!